A Misci propõe reflexão sobre a cultura de consumo – GQ

6

Cena do verão 20202 da Misci (Foto: Luca Oliva/ Divulgação)

A Misci, de Airon Martin, é uma label que promove – desde seu nascimento em agosto de 2018 – uma interseção entre a moda, o design de mobiliário e as artes plásticas. Outra de suas vocações é também repensar os corpos – em coleções cápsulas para eles inspiradas no vestuário delas e agora uma modelagem feminina inspirada no masculino -, abraçar as diferenças e discutir nossos hábitos de consumo.

+ Conheça a Misci, marca que faz moda masculina inspirada nas mulheres
+ Airon Martin cria coleção de roupas e mobiliário urbano em parceria com Renan Quevedo
+ Moda com respeito: primeira coleção da Misci quer abraçar as diferenças

A marca  inaugura novo showroom, na Vila Madalena, em São Paulo. O estilista e criador conversou com a GQ Brasil sobre este momento:

GQ Brasil: Neste novo local, a Misci continuará sua missão de trazer interação entre moda, arte, design e vida?
Airon Martin: A misci sempre será uma marca de materializar processos, seja ele qual for o processo e a forma de materialização. O maior desafio no desenvolvimento desse branding era criar uma marca que nos desse essa possibilidade.
GQ Brasil: Por que resolveu mudar?
Airon Martin: A Misci está crescendo, precisava de um espaço que acomodasse esse número maior de produtos e tivesse uma localização de mais fácil acesso.
GQ Brasil: Pensa em fazer do local uma espécie de residência artística?
Airon Martin: sim. Dentro do showroom contaremos com obras de Zé Bezerra à Paula Scavazzini.
GQ Brasil: Como vê a Misci nos próximos anos?
Airon Martin: como uma marca que não vende só produto, vende informação e reflexão sobre cultura de consumo e sociedade.
E como você pensou a marca no seu lançamento e como ela evoluiu hoje?
Airon Martin: Vender no Brasil é complexo, temos um placebrading que nos atrapalha todos os dias. Porém a ideia segue materializada através da abordagem do design – que é o que temos de melhor nesse país.


Outra cena do verão 2020 da Misci (Foto: Luca Oliva/ Divulgação)

Para sua coleção de verão 2020, a Misci apostou na praia urbana (na foto acima) e em um lançamento que também circulou com o manifesto:

Vestir-se é incorporar o exterior, o seu sensível entorno / Viver é ser posto à vista / Ser parte da experiência / Escolher o corpo que cobre seu corpo / Trocar de pele / Decidir qual a sua narrativa / Como irão te ler. / Fazer confusão de quem é você, / Absolutamente transmissível e infinitamente apropriável. / A Moda não é roupa, ela é mais / É ferramenta para se manifestar / É um processo, um ato político / Cíclica. / Participa consciente / Quem se deixa vulnerável, / Quase nu em sua segunda pele / Coberto de ressignificação. / O corpo que a roupa cria não é de carne, / É construído, costurado / Tem história, / Veste-se verdade.

Misci
novo showroom: Rua dos Tamanás, 610, Vila Madalena. São Paulo / SP

Acompanha tudo de GQ? Agora você pode ler as edições e matérias exclusivas no Globo Mais,o app com conteúdo para todos os momentos do seu dia. Baixe agora!

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários