Adivinha quem vai ficar com a fortuna avaliada em R$ 460 milhões de Karl Lagerfeld? – Moda – Glamurama

6

Karl Lagerfeld e seu amor por Choupette além da vida || Créditos: Reprodução

Karl Lagerfeld fez fortuna com seus anos de dedicação à moda. Agora que ele morreu, começam a surgiu informações sobre quem vai ficar com a herança, avaliada em €110 milhões (R$461,48 milhões). Uma das certezas em relação a isso é que sua gata Choupette não vai ficar nem um pouco desamparada. O próprio designer sempre fez questão de afirmar o seu amor pelo pet a quem proporcionou vida boa, como viajar de jatinho privado, só comer comida feita por chefs, além de duas babás. “Dou risada de mim mesmo com o carinho que tenho por ela [a gata]. Se alguma coisa me acontecer, ela terá a sua herança. A pessoa que cuidar dela não terá problemas de dinheiro. Dos anúncios que ela faturou, eu não fiquei com nada. Está tudo guardado para Choupette. Ela é rica”, revelou o diretor criativo da Chanel, num programa de televisão em 2015. Quer saber quanto só o animal ganhou? € 3 milhões (R$12,59 milhões) com publicidade, além de ostentar mais de 195 mil seguidores no Instagram.

Em uma das oportunidades, Choupette ganhou nada menos que € 1 milhão (R$4,20 milhões) ao inspirar a criação de uma carteira da Chanel. Na ocasião, Karl doou parte do cachê, cerca de € 400 mil (R$ 1678,12) para a fundação de Brigitte Bardot, que acolhe gatos abandonados, e guardou o restante na conta bancária. “Nunca pensei que isto algum dia me acontecesse. Choupette me faz muito feliz”, explicou Lagerfeld.

Quanto ao resto da família? O Kaiser também não deixou de lembrar deles em diversas oportunidades ao afirmar “Não se preocupe, há o suficiente para todos [os herdeiros]”.

Em tempo: Choupette é da raça sagrado da Birmânia e tem oito anos. Ela chegou até o estilista pelas mãos do modelo francês Baptiste Giabiconi que pediu para Karl cuidar dela por alguns dias. Conclusão, ele nunca devolveu! Quem sabe agora ela volta para os braços de Baptiste.

Fonte oficial: Glamurama

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários