Apesar dos problemas atuais, Deltan Dallagnol continua prestigiado no mundo das artes. Aos detalhes! – Poder – Glamurama

6

Deltan Dallagnol || Créditos: reprodução

Da Coluna da Joyce na revista PODER de julho

Em apuros desde o vazamento de supostas trocas de mensagens com o ex-juiz Sérgio Moro durante o curso da Operação Lava Jato, o procurador da República Deltan Dallagnol continua prestigiado no mundo das artes. Ao menos em Curitiba, vários museus, entre eles o famoso Museu Oscar Niemeyer, são detentores das obras apreendidas na operação. No total, são 227, das quais 22 estão atualmente em exposição pública. Manequins, de Iberê Camargo, e Roda de Samba, de Heitor dos Prazeres, são algumas que estavam na casa de doleiros.

Fonte oficial: Glamurama

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários