As frases que definem quem foi Karl Lagerfeld – GQ

12

Falecido na manhã desta terça-feira (19) aos 85 anos, o ícone da moda e homem à frente da Chanel Karl Lagerfeld era conhecido não apenas por seus dotes como estilista e inovador, mas também por suas frases hilárias e controversas.

Para homenageá-lo, relembre algumas das mais marcantes.

+ Morre Karl Lagerfeld aos 85 anos
+ Karl Lagerfeld e Puma lançam parceria bastante… Karl Lagerfeld

“Não se vista para matar, vista-se para sobreviver.”

“Personalidade começa onde a comparação termina.”

“Pense rosa, mas não use.”

“Acho tatuagens horríveis. É como viver usando um vestido Pucci o tempo inteiro.”

“Eu não tiro selfies. Outras pessoas fazem, e todos querem selfies comigo. Não, não, não. Graças a Deus, Sébastien, meu assistente, é mau com as pessoas na rua, malvado e rude.”

“Gosto que tudo seja lavável – eu mesmo, inclusive.”

“O que eu fiz, Coco Chanel jamais teria feito. Ela teria odiado isso.”

“O luxo é a liberdade de espírito, a independência, resumindo, o politicamente incorreto.”

“Eu bebo Coca Diet do minuto que me levanto até o minuto em que vou para a cama.”

“Nunca saio sem meus característicos óculos escuros, eu gosto é de observar e não de ser observado.”

“Trabalhar é ganhar a vida para não ficar entediado.”

“A vida não é um concurso de beleza, algumas pessoas feias são ótimas.”

“Eu me lembro do designer que disse que mulheres inteligentes não usam seus vestidos. Obviamente, ele foi à falência”.

“Eu sou uma espécie de ninfomaníaco da moda que nunca tem um orgasmo.”

“Normalmente, eu não recomendo a mim mesmo para fazer vestidos de noiva – todas elas se divorciam.”

“Eu sou como uma caricatura de mim mesmo, e gosto disso. É como uma máscara. E para mim o Carnaval de Veneza dura o ano todo.”

“Mudar é a maneira mais saudável de sobreviver.”

“Estampas são para mulheres de meia idade com problemas de peso.”

“Quando tomei a frente da Chanel, ela era uma bela adormecida. Mas nem era bela, ela roncava”

“Calça de moletom é sinal de fracasso. Você perdeu o controle sobre sua própria vida e comprou um moletom.”

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários