Chef Virgilio Martinez fecha parceria com o hotel Explora do Vale Sagrado – GQ

6

Virgílio Martinez (Foto: Gustavo Vivanco)

Virgílio Martinez, chef-proprietário do restaurante Central, em Lima – que está na sexta posição do ranking Os 50 Melhores Restaurantes do Mundo – acaba de assumir o comando da cozinha do hotel Explora Valle Sagrado, perto de Cusco. Este fim de semana ele apresentou em primeira mão para 30 convidados os pratos que estarão no menu do resort de luxo a partir de agosto.

+ Chefs peruanos participam de evento beneficente em São Paulo
+ Tour de jato particular leva para jantar nos 3 melhores restaurantes

“Acho ótimo o hotel ter decidido transformar o seu menu e passar a trabalhar com vários dos fornecedores do entorno que colaboram com meus restaurantes”, diz o chef-celebridade. Isso significa que ao invés de pratos clássicos europeus os hóspedes do Explora – dos quais 30% são brasileiros – passarão a comer, em todas as refeições, receitas em que ingredientes locais como milho, quinoa e batata são protagonistas.

Truta curada, avocado e batatas de Huatata (Foto: Gustavo Vivanco)

O Explora é um hotel de montanha para aventureiros, conhecido por oferecer uma vasta variedade de passeios a pé e de bicicleta. “Temos como proposta mostrar o território de uma forma aprofundada e genuína e isso tem muito a ver com o trabalho do Virgilio”, diz José Rosemberg, diretor-geral do hotel. “Com o chef passando a assinar nossos menus os hóspedes vão sentir, comendo no restaurante, o mesmo que viram em suas explorações”, diz.
 

Ceviche de pato com tarwi e quinoa negra do Vale Sagrado (Foto: Gustavo Vivanco)

O menu de Martínez incluirá pratos bastante originais como um ceviche de pato curado com diferentes quinoas e feijões e cogumelos de altitude servidos com cushuros, algas em forma de bolinhas colhidas em lagoas remotas.  Um de muitos pratos com batatas é a truta curada, que leva também avocado. O chef quer mostrar, através dos pratos, porque o Vale Sagrado é conhecido como reino das batatas (são mais de três mil variedades dos mais diversos formatos e cores). Para isso, levou os convidados para conhecerem Manuel Roqque, um agrônomo que pesquisa o tema e fornece batatas para os restaurantes do chef e para o Explora.

“Depois de anos usando ingredientes como essas batatas em meu restaurante Central, em Lima, eu acabei me sentindo culpado por não conhecer melhor meus fornecedores”, diz. Isso levou o chef a abrir um restaurante e centro de pesquisas no Vale Sagrado, o Mil Centro, onde colabora com agricultores locais. A parceria com o hotel Explora, no mesmo vale, é mais um passo na aproximação de Martinez com os “campesinos” peruanos a quem deve boa parte de seu sucesso. Em breve, o chef e o hotel criarão juntos uma horta para complementar as plantações de milho e quinoa. “Mas ainda temos muito por fazer”, diz.

Chapla de milho roxo com piscorontu, costela bovina e Huacatay (Foto: Gustavo Vivanco)

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários