Conheça a engrenagem de marketing por trás de Gabriel Jesus – GQ

17

Com o ex-centroavante da seleção Brasileira e empresário Ronaldo Nazário como um dos principais acionistas no Brasil, a empresa de marketing esportivo Octagon centra boa parte de seus esforços no país na imagem do atacante Gabriel Jesus. Agora, depois de torná-lo um dos principais rostos da publicidade envolvendo Copa do Mundo da Rússia, os planos são de internacionalizar a imagem do atacante para Europa, China e Estados Unidos.

“O segundo ciclo do trabalho com o Gabriel Jesus começa logo após o término da Copa, que naturalmente já o tornará mais conhecido em outros mercados além do Brasil e Inglaterra”, diz Gabriel Lima, CEO da Octagon no Brasil. Segundo ele, a empresa iniciará uma pesquisa de imagem assim que os jogos terminarem para utilizá-la como base para as ações de expansão nos mercados traçados como meta para o próximo ano.

Antes da Copa, a mesma pesquisa mostrou que a imagem do atacante é sempre associada a tópicos como humildade e superação. “Não queremos que ele deixe de ser espontâneo, pois esse é o seu principal trunfo”, diz o executivo. Para Ronaldo, Gabriel Jesus tem semelhanças com ele quando o assunto é imagem. “Se parece muito comigo. Tem muito carisma e uma imagem que atrai inúmeras oportunidades de publicidade”, diz. Atualmente, o centroavante da seleção brasileira é patrocinado pela Gatorade, Vivo, Adidas e Guaraná. “Todos contratos de no mínimo um ano”, ressalta Lima.

Grafite de Gabriel Jesus no Jardim Pery, bairro da zona norte de São Paulo em que ele cresceu. “Se parece muito comigo. Tem muito carisma e uma imagem que atrai inúmeras oportunidades de publicidade”, diz Ronaldo sobre o jovem. (Foto: Getty Images/ Victor Moriyama)

Parte da estratégia de internacionalização da imagem será associar o jogador a astros de outros esportes, como atletas da NBA. Para isso, segundo Lima, o caminho deve ser utilizar patrocinadores em comum para criar esses encontros. “Estamos buscando com a Adidas atletas de outros esportes. NBA com certeza é um dos focos.” Outros estão relacionados à música, como a participação dele em clipes de Kevinho e do rapper Projota, a exemplo do que fez Neymar com Emicida e MC Guime às vésperas da Copa do Mundo no Brasil.

Tudo isso, claro, com divulgação maciça nas redes sociais do atacante. No Instagram, são 8,5 milhões de fãs, patamar ainda distante de outros atletas. Neymar, o principal nome da seleção, tem 96,6 milhões de seguidores, Marcelo, 27 milhões, Philippe Coutinho, 15 milhões, e Thiago Silva, 13 milhões. “Os resultados estão vindo rápido. Quando começamos, era menos de 6 milhões no Instagram”, diz Lima. Que também venham gols nessa Copa!

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários