Costanza Pascolato, que usa sneakers há anos, explica a febre do calçado e dá dicas de moda – Moda – Glamurama

8

Três looks usados por Costanza Pascolato arrematados por seus inseparáveis tênis || Créditos: Divulgação

Costanza Pascolato foi uma das primeiras referências de moda a usar tênis em situações onde ele ainda era um estranho. Anos se passaram e de uns tempos para cá os sneakers ganharam status de item fashion, com passe livre no trabalho, em festas e afins. No Brasil, muito disso se deve a ela, que há oito anos frequenta desfiles nas semanas de moda com seu Adidas Superstar e há quatro usa para quase tudo. O motivo é simples: conforto. Mas o que explica a febre dos sneakers? “Houve uma casualização da moda em todo o mundo. As pessoas se vestem de uma maneira mais casual, usando peças esportivas como tênis e jaquetas,  misturadas a alfaiataria, saias e outros. Antes jamais viria pra uma festa como esta de tênis”, revelou Costanza ao Glamurama durante a festa de 18 anos do site, que rolou nesse fim de semana.

Na ocasião, apostou em look total off-white arrematado por tênis branco e casaco de oncinha de pele fake. A escolha chamou a atenção pelo fato da consultora de moda ser adepta de roupas pretas. Ao ser perguntada sobre isso, disparou: “Tenho achado que o preto envelhece e na minha idade isso faz toda a diferença. Continuo usando e adoro, mas abri espaço para os tons mais claros, que tiram um pouco o peso dos anos (risos)”.

Costanza Pascolato na festa de 18 anos do Glamurama || Créditos: Paulo Freitas

Dona de um olhar apurado conquistado em anos de vivência no universo da moda, Costanza defende o fim de um padrão pré-estabelecido de se vestir: “Sinto que a democracia na maneira de vestir que a gente têm hoje faz com que cada pessoa tenha vontade de se mostrar à sua maneira. Não tem mais essa de: ‘vou me ficar igual àquela colega’”, explica. Neste contexto, cai por água a proposta de look do dia: “Algumas blogueiras ainda são referência, mas apenas pra pessoas que tão começando a se interessar agora por moda, e talvez copiem as roupas de uma maneira mais barata, como acontecia antigamente com as atrizes da Globo. Hoje, o legal é poder se vestir do seu jeito, essa coisa da cópia das ‘pessoinhas’ tá passando.”

Pra quem ainda sente que não conquistou a tal liberdade de que a expert fala, à dica: “É preciso assumir sua personalidade, mas pra isso você não tem só que se conhecer bem e saber o que funciona realmente pra você. Tem que se amar acima de tudo. Gostar de você mesma e se aceitar do jeito que é porque a gente sempre acha defeito na gente. Tem que se dar primeiro uma super injeção de auto-estima que o estilo vem.” Vamos praticar?

Costanza Pascolato fazendo mão chifrada, ícone do rock’n’roll, durante semana de moda de São Paulo || Créditos: André Ligeiro

Fonte oficial: Glamurama

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários