Ditador da Coreia do Norte é fotografado com relógio de R$ 48 mil que é proibido no país – Notas – Glamurama

9

Kim Jong-un e seu relógio de quase R$ 50 mil || Créditos: Reprodução

Produtos de luxo são inacessíveis aos habitantes da Coreia do Norte desde que a ONU proibiu a importação desses itens pelo país, mas não para seu ditador, o sempre polêmico King Jong-un. No último dia 25, o jovem político de apenas 35 anos foi fotografado com um respeitável relógio de ouro no pulso enquanto observava de longe o teste de lançamento de um míssil. De acordo com o jornal “Chosun Ilbo”, da Coreia do Sul, o acessório é da coleção Portofino Automatic da relojoaria suíça IWC, e custa a partir de £ 10 mil (R$ 47,8 mil).

Apesar de sempre se mostrar hostil em relação a certos países onde coisas desse tipo são vendidas aos montes, principalmente os Estados Unidos, Jong-un tem um gosto bem ocidental quando o assunto são suas roupas e acessórios, e inclusive ele também é fã da Air Jordan e mantém em seu closet um espaço gigante reservado exclusivamente para os vários pisantes da marca de sneakers de Michael Jordan em parceria com a Nike que tem e que, nesse caso, jamais usa em público. (Por Anderson Antunes)

O modelo é da relojoaria suíça IWC || Créditos: Reprodução

Fonte oficial: Glamurama

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários