Elijah Berle, o skatista que mostra que o estilo de Dogtown é fashion – GQ

7

Quando você imagina o estilo skatista, pensa logo em muito oversized, peças rasgadas, aquele visual que se mantém o mesmo desde os anos 90 – vide os looks dos caras em vídeos de skate como Questionable (1992) e em jogos como Tony Hawk’s Pro Skater 2. Mas eis que numa manhã de sábado, ainda sofrendo pelo jat lag de um voo vindo de Los Angeles, Elijah Berle sai do elevador.

De passagem pelo Brasil para lançar seu primeiro tênis assinado em parceria com a Vans, o Berle Pro, o skatista de Santa Monica, Califórina, causa a mesma impressão que um rockstar. Não só pelo cansaço estampado no rosto – “Nós estávamos na Nova Zelândia e, antes disso, na China, na Espanha e eu nem me lembro mais onde”, diz ele sobre suas últimas semanas -, mas também pelo estilo. Slip ons, jeans pretos, camisa meio aberta, óculos escuros. Definitivamente não um skatista convencional.

+ Felipe Foguinho mostra como usar alfaiataria com o estilo das ruas
+ #GQporElas: o universo das meninas do skate em “Tô na Pista”

Elijah Berle (Foto: Divulgação)

“Não sei se me encaixo em uma categoria de moda, acho que muitas coisas me inspiram”, reflete. “Eu gosto do jeitão dos anos 70, de Dogtown. Curto também algumas coisas dos anos 90. Então acho que podemos dizer que meu estilo é vintage“, diz rindo.

Curiosamente, seus tênis são mais modernos – apesar do toque de veludo no modelo vermelho (“Eles são sexy”, brinca). “Ele ainda se parece com os tênis de todo dia da Vans, mas é um tênis para skate, tem todas as tecnologias relacionadas à performance”, explica o atleta.

Elijah Berle (Foto: Divulgação)

O foco na performance parece ser a diferença entre skatistas que desenham tênis e outros esportistas que fazem o mesmo, como jogadores da NBA. “Skatistas são mais chatos, eles se atentam aos detalhes”, brinca. “Eu admiro os Jordans e curto a cultura sneaker como um todo, mas não me considero um sneakerhead como os caras que têm seus próprios modelos. Mesmo assim, eu participei de tudo desse tênis, escolhi até do tipo de costura que usaríamos.”

O que é mais impressionante para um skatista então, levar a vida de rockstar ou desenhar seus próprios sneakers? “Nunca tinha pensado nisso até um dia aleatoriamente olhar pra eles no chão e perceber que eu mesmo tinha desenhado. Se eu dissesse isso pra eu mesmo quando criança, não acreditaria. O mais maluco é ver outras pessoas usando”, reflete.

Elijah Berle (Foto: Divulgação)

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários