Glamurama >> Dermatologista Dra. Byanne Leão entrega novidades em tratamento de pele. Anote aí – Beleza – Glamurama

42

Novidades da Skinceuticals: H.A. Intensifier e o Resveratrol B E. || Créditos: Divulgação/ iStock

No dia a dia do consultório de uma dermatologista é comum surgirem algumas dúvidas sobre os principais lançamentos de beleza da temporada. A dermatologista Dra. Byanne Leão que o diga. “Os pacientes estão perguntando muito sobre dois produtos da Skinceuticals. São eles: Sérum Corretor Antienvelhecimento H. A. Intensifier e o Resveratrol B E.” Se você é um deles, papel e caneta na mão para entender como, quando e onde usar cada um deles.

H.A. Intensifier – é o mais novo lançamento da Skinceuticals. Na sua composição há vários ingredientes que agem na luta contra o envelhecimento, entre eles o ácido hialurônico (que é o principal componente e a grande aposta da marca). “Depois de muitos anos fazendo pesquisas, percebemos que a pele jovem tem um equilíbrio ótimo entre produzir e degradar ácido hialurônico. Conforme o tempo passa, essa equação vai desbalanceado naturalmente. Já a partir dos 20 anos, a produção de ácido hialurônico cai, enquanto que a degradação da pele aumenta – é quando os sinais de envelhecimento começam a aparecer”, comenta Alan Spector, diretor da Skinceuticals Brasil.

Como age

“No processo do envelhecimento, perdemos naturalmente ácido hialurônico e como consequência temos perda de volume facial, aparecimento de rugas e redução da firmeza da pele. É exatamente aí que o H.A tem sua ação. Graças a sua combinação de ingredientes, vai agir intensificando os níveis cutâneos de ácido hialurônico desde a derme até a epiderme. Evita e retarda a degradação, repondo os estoques de ácido que perdemos. Como resultado temos redução das rugas, aumento da firmeza e tons da pele, assim como volume e densidade redefinidos. Ele tem uma textura super leve, de fácil absorção e pode ser indicado para todos os tipos de pele, incluindo as oleosas. Pode ser usado de uma a duas vezes ao dia, de acordo com a necessidade da pele do paciente”, explica Byanne.

Resveratrol B.E – “Outro produto que muitos me perguntam quando e quem pode usar. O principal componente dele é o tão falado Resveratrol, encontrado no vinho tinto e em outras fontes naturais. É um potente antioxidante reconhecido mundialmente como a ‘molécula da longevidade’, pois estimula o próprio corpo a produzir antioxidantes naturais, aumentando as defesas das células contra as agressões externas e age contra o envelhecimento cutâneo. Trata-se de uma fórmula inovadora e de acordo com artigos da empresa é o primeiro antirrugas noturno do mercado com potente ação antioxidante, que age no envelhecimento biológico, além de conter a maior concentração de resveratrol puro do mercado”, conta Byanne.

Como age

“Os danos excessivos gerados pelos radicais livres vão se acumulando e a pele perde sua capacidade natural de reparar-se à noite. É necessário reverter esse processo, estimulando a produção natural de antioxidantes e combater o envelhecimento no interior do DNA das células – o envelhecimento biológico, é aqui que entra a ação do produto, pois age no DNA da célula reparando os efeitos visíveis dos danos acumulados como rugas, perda de firmeza e densidade. Os resultados ao longo do uso são visíveis na melhora da luminosidade, firmeza, densidade, elasticidade e maciez da pele. É indicado a todos os tipos de pele, inclusive as oleosas, mas é importante saber que o uso é apenas noturno e deve ser o primeiro produto a ser aplicado na pele após a limpeza e só depois continuar com a sua rotina noturna de creminhos. É importante lembrar que o melhor produto é sempre aquele mais indicado para a sua pele, e não o mais caro ou o usado pela amiga, às vezes o que é bom para uma pele pode não ser bom para a sua. Por isso sempre pergunte ao seu médico qual produto deve ser usado na sua rotina e como deve ser usado”, finaliza.

Fonte Oficial: https://glamurama.uol.com.br/dermatologista-dra-byanne-leao-entrega-novidades-em-tratamento-de-pele-anota-ai/.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários