Gucci Osteria, restaurante de Massimo Bottura, ganha primeira estrela Michelin – GQ

11

Gucci Osteria (Foto: Divulgação)

A Gucci Osteria, restaurante de Massimo Bottura dentro do Museu Gucci, em Florença, recebeu nesta quarta-feira (6) uma estrela Michelin no Guia Michelin 2020 italiano. É a primeira estrela do empreendimento e, vale ressaltar, chegou menos de dois anos após sua abertura em janeiro de 2018.

+ Massimo Bottura inaugura hotel de campo em Modena
+ Fasano Salvador está entre os 100 lugares mais incríveis do mundo da revista Time
+ Recém-aberto, Fairmont Rio de Janeiro Copacabana tem menus assinados por Carlos Cordeiro

O restaurante, que celebra a gastronomia e da moda, é resultado de uma parceria entre  Massimo Bottura e Marco Bizzarri, CEO da Gucci e amigo de infância do chef premiado. “Esta é uma conquista incrível que nos enche de alegria. Sou amigo de Marco há mais de 40 anos e esse é um reconhecimento maravilhoso pela visão que criamos junto à família Gucci”, comentou Massimo Bottura em comunicado para a imprensa. “Quando as idéias nascem de amizades, elas usam uma força diferente, e este é apenas o começo de uma emocionante aventura.”


Karime López, chef de cozinha da Gucci Osteria (Foto: Divulgação)

Mais uma estrela para Massimo e também para a mexicana Karime López, chef da cozinha da Gucci Osteria que reúne uma experiência culinária verdadeiramente estelar. A lista inclui passagens pelo restaurante Sant Celoni, na Espanha, dono de duas estrelas Michelin, Noma, em Copenhague, e Ryugin, em Tóquio, ambos com três estrelas cada, o Pujol, em sua cidade natal, México, Mugaritz, na Espanha e, finalmente, o Central – peruano que figura em 6º entre os 50 melhores restaurantes do mundo.

Acompanha tudo de GQ? Agora você pode ler as edições e matérias exclusivas no Globo Mais,o app com conteúdo para todos os momentos do seu dia. Baixe agora!

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários