Joias poderosíssimas de Elizabeth Taylor e Carmen Mayrink Veiga vão parar no Museu do Kremlin em Moscou – Moda – Glamurama

30

Colar em platina com esmeraldas e diamantes, usado por Elizabeth Taylor em Veneza, em 1967, é um dos destaques da exposição  || Getty Images/Divulgação

“Tribute to Femininity”, com suas preciosidades, invadiu o Museu do Kremlin em Moscou. Glamurama explica. Trata-se de uma exposição que faz retrospectiva da Bvlgari, marca italiana de joias de 130 anos.

Peças magníficas, instalações de vídeo e fotos celebram mulheres poderosas, como uma materialização de suas personalidades.  Para sua primeira exposição na Rússia, a label reuniu uma impressionante seleção de mais de 500 joias de sua coleção Heritage e de coleções particulares cedidas por clientes do mundo todo.

Carmen Mayrink Veiga e seu valiosíssimo colar // Divulgação

Entre os destaques, joias icônicas como as esmeraldas de Elizabeth Taylor, presente do marido Richard Burton, e o colar de safiras, esmeraldas, rubis e diamantes da socialite brasileira Carmen Mayrink Veiga, entre muitas outras peças cheias de quilates e histórias. A exposição fica em cartaz até 13 de janeiro de 2019.

Fonte oficial: Glamurama

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários