Kanye West apoiando Trump e Colin Kaepernick ao mesmo tempo? Sim – GQ

4

Se você tivesse que chutar uma pessoa no mundo inteiro que apareceria em público usando um boné “Make America Great Again” (símbolo do governo Donald Trump) e um moletom em homenagem a Colin Kaepernick (ex-jogador de futebol americano odiado pelo presidente por protestar contra a violência policial durante o hino dos EUA), essa pessoa seria… obviamente Kanye West.

Ao visitar a redação da revista The Fader em Nova York nesta quinta-feira (27), Ye estava usando esse look no mímino inusitado pela combinação – vale lembrar que Trump já chamou Colin de “filho da puta” e pediu aos donos da NFL que demitissem todos os jogadores que não respeitassem o hino nacional.

+ Na TV, Kanye West fala sobre bipolaridade, Trump e pornô
+ Ações da Nike têm alta histórica após ‘efeito Colin Kaepernick’

A explicação, segundo o próprio, seria que o boné MAGA é uma versão diferente, desenhada por ele, ressignificada e cheia de “energia positiva”. Considerando que Ye celebrou a parceria entre Nike e Kaepernick dizendo “Eu defendo dar voz a todos”, está aí um ótimo exemplo do que ele pensa em relação a isso.

Talvez ainda falte muito para que a humanidade desvende a cabeça de Kanye West, mas enquanto isso ele continua fazendo tênis que brilham no escuro e já valem mais do que R$ 5 bilhões.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários