LeBron James quer que o Liverpool vença o Real Madrid na final da Liga dos Campeões. Por quê? – Notas – Glamurama

3

O astro da NBA, que é sócio do Liverpool, com sua camisa oficial do time || Créditos: Getty Images

LeBron James, maior astro da NBA no momento, está de dedos cruzados desde já para que o Liverpool derrote o Real Madrid na grande final da Liga dos Campeões, no próximo dia 26. É que em 2011 ele investiu US$ 6,2 milhões (R$ 22,7 milhões) por meio de sua empresa de investimentos, a LRMR, para comprar 2% do time inglês. Como de lá pra cá o valor de mercado da equipe saltou de US$ 310 milhões (R$ 1,14 bilhão) para os atuais US$ 1,5 bilhão (R$ 5,5 bilhões), a fatia do cestinha americano agora gira em torno de US$ 30 milhões.

Caso vença o Real Madrid no enfrentamento do fim do mês, o Liverpool tem grandes chances de ver a cifra bilionária ficar ainda maior – estimativas apontam que a simples vitória conta os “Galácticos” poderia resultar em uma valorização de até 50%, para US$ 2,25 bilhões (R$ 8,2 bilhões). Nesse caso, a participação de James nos “Reds” saltaria para US$ 45 milhões (R$ 165 milhões), ou mais de sete vezes o investimento inicial dele no mundo do futebol que se joga com os pés.

O ala-pivô do Cleveland Cavaliers não é estranho ao mundo dos negócios e também é sócio há anos da rede de pizzarias americana Blaze Pizza, uma das mais conhecidas dos Estados Unidos e a que mais cresce no país desde o ano passado. Ele é um garoto-propaganda disputadíssimo e em 2015 entrou para a história ao assinar um mega-contrato de US$ 300 milhões (R$ 1,1 bilhão) com a Nike, o maior em toda a história da marca esportiva. (Por Anderson Antunes)

Fonte oficial: Glamurama

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários