Lembra do Palm? Empresa volta a chamar atenção com celular minúsculo – GQ

9

Metade desktop, metade celular, os Palm marcaram presença lá nos anos 90 por oferecerem mobilidade e versatilidade muito antes que Steve Jobs apresentasse seus hiperbólicos iPhones ao mundo. Era, segundo o time de marketing da empresa homônima, um companheiro ideal para quem respirava trabalho e precisava lidar com tarefas variadas, mesmo em movimento. Uma enorme tela de cristal líquido e um design sóbrio fazia-o parecer um Game Boy com casa pra cuidar e contas pra pagar – ou mesmo a primeira aposta da Apple nos mobiles.

Divertido imaginar então que, em 2018, o Palm tenha ressurgido aparentemente de olho nos viciados em esportes, na boa forma e na vida noturna. O novo modelo (chamado simplesmente de Palm) foi anunciado nesta segunda-feira (15) e aposta no menos é mais. Com tela de 3,3 polegadas e um corpo de 96,6 mm de altura e 50 mm de largura, este Palm é pouco maior que um cartão de crédito. Por dentro, as configurações são simples: Android 8.1, bateria que dura um dia, 3GB de RAM, 32GB de armazenamento e um Snapdragon 435 – no geral, o celular é bem autônomo, mas certas funções dependem de uma conexão com um smartphone padrão. Como um smartwatch, mas capaz de acessar versões completas dos aplicativos.

 (Foto: Reprodução/Instagram @palm)

Na pior das hipóteses, o Palm é ao menos um sinal de onde a tecnologia móvel chegou nestes 10 anos e pouco: o display do primeiro iPhone era apenas 0,2 polegada maior, mas só agora os componentes usados na fabricação permitem que o próprio corpo de um aparelho acompanhe esse nível de portabilidade.

+ iPhone XS, XS Max e XR: um mergulho nos números dos novos aparelhos da Apple
+ Esse gadget foi criado para fazer você conseguir se concentrar

Mas é, para todos os efeitos, um novo tipo de dispositivo, o que é meio interessante e meio confuso: consegue imaginar como o pequenino encaixaria na sua vida já sobrecarregada por telas? A Palm tem uma sugestão: “O PalmPilot original fez seu computador ser móvel, e agora estamos fazendo smartphones voltarem a ser verdadeiramente portáteis”, diz o site oficial. “Nós abraçamos o espírito inovador do Palm e criamos um novo dispositivo ‘ultra-mobile’ que te mantém conectado e presente ao mesmo tempo”.

Ou talvez então ajude a olhar o set de acessórios que podem ser adquiridos pelos futuros donos do aparelhinho: uma base para acoplar no guidão da bicicleta, uma banda para encaixá-lo junto ao braço, bolsas customizadas, para citar alguns. Resistente à água e elegante, o pequeno como companheiro de atividades físicas ou uma solução compacta para não arruinar com seu estilo.

O dispositivo vai ser lançado em novembro nos EUA, custa US$349 e é exclusivo para clientes da operadora Verizon.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários