Melhor bar do mundo vai fechar – GQ

4

No topo da lista do The World’s 50 Best Bars, divulgada na noite desta quarta-feira (3/10), o Dandelyan, bar do luxuoso hotel Mondrian London, está com os dias contados. Pouco antes da premiação, o proprietário, Ryan Chetiyawardana, anunciou que vai fechar o bar nos próximos meses. Portanto, se você quiser provar os melhores coquetéis do planeta, é melhor se apressar.

+ Ryan Reynolds e Richard Branson se unem para servir gin em aviões

+ Cada garrafa desse whisky custa R$ 12 mil

+ Receita: aproveite a primavera e bote umas flores na sua caipirinha

“Estou perplexo”, disse Chetiyawardana, também conhecido como Sr. Lyan, pouco depois de receber a principal honraria do evento, equivalente ao Oscar da indústria de bares, e admitir timidamente que estava “matando” seu aclamado estabelecimento. “Há tanta coisa que eu acho que podemos fazer, e tanto que queremos desafiar, discutir e criar nesta indústria que faz sentido começar de novo e ressurgir como algo mais brilhante, mais solar e mais adequado de onde estamos (todos) agora”.

O empresário é conhecido por puxar os limites da mixologia com suas misturas e infusões botânicas, e por seu gosto por ingredientes estranhos: de vinho de tomate e mel de pepino a vermute de pinhão e seiva de cedro. Ele também gosta muito de urtigas e língua de vaca (planta invasora comum na região Sul do país, onde infesta pastagens, beira de estradas, pomares e terrenos baldios).

Lonely Heart Killers, inspirado pelo serial killer americano e praticante de vodu Raymond Fernandez (Foto: reprodução instagram (@saraitinuk)

O último menu de coquetéis de Dandelyan (que muda anualmente), chamado Vícios da Botânica, é possivelmente o mais excitante e controverso de todos os tempos. Está dividido em quatro partes: Fé, Luxúria, Moeda e Rock ‘n’ Roll; e afirma investigar “a exploração, o escapismo e todo o espectro de nossos guilty pleasures”.

Quer um exemplo? O drink Vitruvian Rose Spritz – com vermute de girassol e chocolate, vodka, casca de bergamota e licor de lavanda – é influenciado pela sequência de Fibonacci (sucessão de números que, misteriosamente, aparece em muitos fenômenos da natureza, como o a concha do caramujo e as presas de marfim dos elefantes). Já o Lonely Heart Killers – mistura de rum com cumaru (árvore com um perfume agradável, utilizada como matéria-prima para a indústria cosmética) e lírio – foi inspirado pelo serial killer americano e praticante de vodu Raymond Fernandez.

Vitruvian Rose Spritz, drink influenciado pela sequência de Fibonacci (Foto: divulgação)

Desde a sua inauguração em 2014, o Dandelyan recebeu uma série de prêmios, incluindo duas vezes o melhor menu de coquetéis do mundo (2018 e 2016), e o melhor bar de coquetéis do mundo no ano passado pelo Spirited Awards, concorrente do The World’s 50 Best.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários