Mercedes-Benz revela o EQC, parte de investimento de US$ 12 milhões em modelos elétricos – GQ

15

A fabricante alemã Mercedes-Benz revelou na última terça-feira (04) o EQC, seu primeiro automóvel totalmente elétrico, que será ponta de lança da linha EQ de carros movidos à bateria.

O EQC será comercializado em 2020 e terá um sistema de direção com duas unidades de tração elétricas, que juntas geram 402 cv. O veículo faz de 0 a 100 km/h em cerca de cinco segundos e sua bateria tem autonomia aproximada de 500 km. Segundo a Mercedes, é possível recarregar o carro de 0 até 80% em 40 minutos. Apesar dos detalhes, a fabricante ainda não revelou o preço.

Além do veículo, Dieter Zetsche, CEO do grupo Daimler – da qual a Mercedes faz parte -, anunciou um investimento na casa de US$12 milhões na linha EQ, além de outro milhão para movimentar a produção interna de baterias. Somando a marca Smart, o grupo planeja ter dez carros totalmente elétricos em seu catálogo até 2022.

+ Porsche Cayenne S E-Hybrid marca novo momento de híbridos no Brasil
+ Carros elétricos são um caminho sem volta, mas qual escolher?

O investimento também é uma maneira de atender a leis cada vez mais duras sobre emissões, especialmente na Europa, região onde a Daimler tem enfrentado problemas com a regulamentação: na Alemanha, o grupo fez o recall de 774 mil carros suspeitos de conter um software que fazia o veículo poluir menos nos testes e mais nas estradas.

 (Foto: Reprodução / Instagram @mercedesbenz)

No momento em que a Tesla se vê às voltas com a transição de marca de luxo para o mercado de massa alemã se junta à PorscheAudi no mercado de carros elétricos luxuoso, até o momento dominado pela empresa de Elon Musk e seu Model S. 

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários