Na TV, Kanye West fala sobre bipolaridade, Trump e pornô – GQ

3

Kanye West não concede muitas entrevistas. Por isso, é natural que a expectativa em torno das suas aspas sejam grandes quando ele dá as caras na televisão. Em papo com o apresentador Jimmy Kimmel, na noite desta quinta-feira (9), o rapper não decepcionou o público e não fugiu de polêmicas, abordando distúrbios mentais, Donald Trump e até pornô.

Diagnosticado com bipolaridade, Kanye concordou com o apresentador quando perguntado se a condição o ajudava a ser “brilhante” na arte. Apesar do ego inflado, ele pediu atenção para o problema. “É importante que tenhamos conversas abertas sobre saúde mental, sobretudo entre pessoas negras, porque é difícil encontrar terapeutas entre nós”, afirmou.

Sobre política, Kanye West usou o tempo para se defender das críticas pelo seu apoio ao atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. “Há essa ideia por aí que pessoas negras só podem ser democratas. Como músico e pessoa afro-americana, todo mundo ao meu redor tentou escolher um candidato por mim”, reclamou.

+ 5 motivos para acreditar que Kanye West é um deus da música

+ Os tênis de Kanye West já valem mais de R$ 5 bilhões

+ Kanye West pensa em nova meta: gravar 52 álbuns em 52 semanas

Quando o assunto foi família, contudo, o rapper disparou a sua frase mais polêmica. Questionado por Kimmel se o nascimento das filhas North, de 5 anos, e Chicago, de 6 meses, havia mudado a sua percepção sobre as mulheres, Kanye foi na contramão do feminismo e respondeu:

“Não, já que ainda vejo o (site pornô) Pornhub”, falou. Sem pudor, ele até saciou a curiosidade do apresentador e revelou,, mostrando não se sentir constrangido com o assunto, a sua categoria favorita de filmes adultos: “blacked”, quando atores negros fazem sexo com mulheres brancas em cena.

Admitindo que gosta de ser o centro das atenções, o artista mostrou que não teme a repercussão das suas novas declarações. “Percebi que não posso sentir medo de ser quem eu sou. Eu gosto de ver quando as pessoas estão bravas comigo sobre certas coisas que eu disse ou fiz”, refletiu o marido de Kim Kardashian.

Assista à entrevista completa abaixo (em inglês).

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários