Os melhores perfumes gringos para você começar a usar no outono – GQ

18

Sim, você deve mudar seu perfume entre as estações. O que funciona bem em junho é muito diferente do funciona em dezembro. 

Os aromas da primavera e do verão são mais frescos, florais e frutados. Mas quando o tempo muda, você vai querer mergulhar em um pouco de madeira e especiarias. Essas fragrâncias de clima mais frio vão aquecê-lo – não literalmente, mas de um modo placebo. A mesma coisa com qualquer pessoa que você possa encontrar. Procure por ingredientes como cedro, grama, âmbar, canela, incenso e couro.

Calma, não é tão difícil. Nós já fizemos isso por você. Você com certeza vai encontrar um companheiro para o clima mais frio bem a tempo da temporada de levar um casaquinho.

+ Cinco perfumes para você que é viciado em variar fragrâncias
+ Louis Vuitton lança sua primeira linha de perfumes genderless
+ Ofertas Amazon: Loja Cuidados Pessoais – essenciais do dia a dia

Arquiste Parfumeur, Nanban, US$ 190

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Este é a minha marca registrada. Uso o tempo todo. E digo: nunca usei algo que recebeu tantos elogios – nem óculos de sol, nem tênis, nem um macacão de borracha. As pessoas realmente viram a cabeça e me perguntam o que eu passei. E então anotam o nome do produto. A obra-prima da Arquiste se apresenta com pimenta preta de malabar e açafrão-da-persia, dá lugar a café, sândalo, mirra e couro espanhol e dura o resto do dia com uma manta de incenso, bálsamo e cedro espanhol. Todos os perfumes da Arquiste têm uma rica história por trás e o Nanban é inspirado em uma excursão samurai diplomática do século 17 ao mundo ocidental. (Sim.) Aquece os sentidos como um chá quente, infundido com especiarias, em que o primeiro gole envia uma corrente de sabor e eletricidade por todo o seu ser. Sem embelezamento: Nanban é ouro líquido.

Louis Vuitton, Orage, US$ 250

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Poderíamos falar por dias sobre os perfumes masculinos (ou os genderless) que a Louis Vuitton lançou recentemente. Amarrado logo de cara com uma mistura de gengibre, almíscar e toranja, Orage, que significa “Trovoada”, é uma intrincada mistura de patchouli, vetiver, íris fresca, ambrette almiscarada e tangerina fresca.

Histoires de Parfums, 1828, R$ 700

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Meus dois aromas de outono-inverno favoritos se inspiram nos séculos passados. Este de Histories de Parfums é uma ode ao escritor de ficção científica e viajante do mundo Julio Verne, cujas histórias foram inspiradas pelos cheiros, visões e sons de lugares distantes (Vinte Mil Léguas Submarinas, Volta ao Mundo em Oitenta Dias, Viagem ao Centro da Terra…) Primeiro, você tem notas brilhantes e cítricas, como toranja e tangerina, com eucaliptos sendo guardados para um lançamento otimista para as notas centrais picantes. A noz moscada indonésia e a pimenta preta de Madagáscar aumentam o calor – e o transformam em um favorito para o inverno – e terminam com cedro, incenso, vetiver e pinho.

Christian Dior, Sauvage Eau De Toilette, R$ 375

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Sauvage é algo como um verão indiano em forma líquida com âmbar, tangerina, pimenta, cedro e lavanda.

Acqua di Parma, Colonia Pura, R$ 900

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Colonia Pura da Acqua di Parma é como uma xícara de café pela manhã, aquecendo o corpo e saltando os sentidos. É otimismo olfativo: a Tangerina e a laranja dão um chute cítrico, enquanto o narciso, o jasmim e o coentro adicionam calor e tempero às notas centrais. Os mais longos e fortes são o patchouli, o cedro e o almíscar, o equivalente perfumado a colocar lenha na fogueira. Você vai querer que esse perfume energético dure o dia todo. E ele dura.

DedCool, Fragrance 05 “Spring”, US$ 80

A DedCool tem todos os ingredientes de uma marca de perfumes típica de Los Angeles: só cria fragrâncias de ingredientes naturais, neutras, veganas e não-tóxicas – e sua fundadora, Carina Chaz, 22 anos, é legal pra caralho. A empresa é jovem, mas projeta seus perfumes com o sentido de uma veterana: Chaz fabrica fragrâncias desde que tinha 16 anos de idade. O meu favorito do grupo para o tempo frio é ironicamente chamado de “Primavera”. E apropriadamente, já que lembra quem o usa de dias mais brilhantes pela frente, mesmo com notas de fundo e de base de um aroma estelar de inverno: tangerina e cardamomo são sua primeira impressão, enquanto musgo, patchouli e vetiver permanecem com você horas após a aplicação. Para completar, gerânio e lavanda, com um toque de incenso para lembrá-lo que este perfume dura o dia todo.

Hermès, Terre D’Hermès Eau Intense Vétiver, R$ 799

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Com uma simples mudança no Terre D’Hermès – um toque de vetiver e pimenta de Sichuan – a Hermès nos abençoou com Eau Intense Vetiver, um dos lançamentos mais frescos de 2018. Se você é fã do perfume clássico da marca, notará menos notas de laranja em favor de pronunciadas amadeiradas e sutis. Mas não faltam cítricos; é apenas uma versão invernal do original.

Diptyque Tempo, Eau de Parfum, R$ 1000

Perfumes para usar no outono (Foto: Divulgação)

Tempo é a execução perfeita do patchouli – um ingrediente de que você definitivamente não deveria ter medo, apesar de sua reputação. É ao mesmo tempo terroso e amadeirado, com notas mais claras de folha violeta para marcar.

*Leia a matéria original em gq.com.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários