Para o estilista Fernando Miró, moda é “aliar um lado artístico e comercial” – GQ

14

Fernando Miró: “Descobri uma carreira onde podia aliar um lado artístico e comercial” (Foto: divulgação)

Este mineiro de Belo Horizonte é o responsável pelo estilo da MiPinta, que fez um dos mais elogiados desfiles do Projeto Estufa, na São Paulo Fashion Week. Entrando na fase final de seus estudos na escola de arquitetura e artes visuais La Cambre, em Bruxelas, ele concluiu um estágio na equipe de criação de acessórios masculinos da Louis Vuitton e investe agora na estruturação de sua marca própria.

+ Conheça Jeff Ferrari, um dos talentos que estão desenhando a moda de amanhã
+ Gustavo Assis, da Lapima, aposta no design pelo design
+ Airon Martin cria coleção de roupas e mobiliário urbano em parceria com Renan Quevedo

“Roupa não é só para vestir. É também para comunicar uma personalidade”, afirma o estilista, que chegou à faculdade sem saber muito de moda. “Não sabia nem quem era Saint Laurent”, confessa o designer fã de Margiela e Galliano. “Na moda descobri uma carreira onde poderia aliar um lado mais artístico ao lado comercial”.

Acompanha tudo de GQ? Agora você pode ler as edições e matérias exclusivas no Globo Mais,o app com conteúdo para todos os momentos do seu dia. Baixe agora!

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários