Quem são as esposas dos presidenciáveis Bolsonaro e Haddad?

6

Crédito: Acervo pessoal

Por Extra

Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL) se enfrentam neste segundo turno das eleições presidenciais. Mas você conhece as esposas deles? Uma delas será a primeira-dama do Brasil a partir de 2019.

ANA ESTELA, ESPOSA DE FERNANDO HADDAD

Não espere de Ana Estela, de 52 anos, uma figuração. A mulher de Haddad, há 30 anos, tem protagonismo na campanha do marido rumo à presidência. Ainda que neste período tenha colocado a carreira de odontopediatra e de professora da USP em segundo plano, ela é atuante. Já esteve no cargo de primeira-dama (alcunha da qual não gosta) quando Haddad foi eleito prefeito de São Paulo, em 2012, e foi convidada a ser vice de Luiz Marinho (PT), candidato ao governo da maior cidade do país. Declinou. “A Ana teve vontade de aceitar, mas entendeu que a campanha do Fernando era mais importante neste momento. Ele precisa dela”, conta um amigo, ligado ao casal.

Ana e Fernando, ou Tê e Fê, como se chamam desde que se conheceram na adolescência, acabaram de renovar os votos e a longeva relação resultou num casal de filhos, Frederico, de 26 anos, e Ana Carolina, de 19. Desde que Haddad foi alçado ao posto presidenciável, Ana fica colada nele ou fala por ele em locais em que haddad não pode estar. Tem assessoria e agenda próprias, inclusive. E segundo fontes acha divertido o assédio ao marido, que ganhou a pecha de “candidato gato”, mas não esconde certo constrangimento e até ciúme quando avançam o sinal. Mesmo não se sentindo confortável na condição de possível primeira-dama, em entrevistas, ela aponta Michelle Obama como modelo a ser seguido.

MICHELLE BOLSONARO, ESPOSA DE JAIR BOLSONARO

Vaidosa, Michelle gosta de bolsas da marca Louis Vuitton e roupas da Zara. Michelle não atua ao lado de Jair. Mas há quem diga que ele, o Capitão, a obedece. O casamento, na Mansão Rosa, no Alto da Boa Vista, Zona Norte do Rio, por exemplo, foi todo orquestrado por ela e ele não se meteu. Com Bolsonaro, Michellle tem uma filha, a quinta dos cinco filhos do candidato, que foi casado duas outras vezes. Flamenguista, Michelle não vê problemas em vestir a camisa do time mesmo quando enfrenta o Botafogo, para quem Bolsonaro torce. Mas não espere dela militância ou posicionamento. Michelle, assim como a atual primeira-dama do Brasil, é bela, recatada e do lar.

Foi uma paixão fulminante. Quando Jair Bolsonaro, 63 anos, prestou atenção no sorriso de Michelle de Paula Firmo Reinaldo, de 38, ainda nos corredores da Câmara dos Deputados, em Brasília, ele foi flechado. Em 2007, ela era secretária parlamentar, e ele deputado federal. Ao se apaixonarem, ela foi trabalhar no gabinete dele. Dois meses depois de começarem a namorar e a trabalhar juntos como patrão e empregada, eles se casaram. A cerimônia religiosa só aconteceu em 2013. Religiosa mesmo. Bolsonaro sempre foi católico, mas se casou na presença do pastor Silas Malafaia, hoje em dia um desafeto. Michelle pediu as bênçãos do pastor, já que congregava na Assembleia de Deus fervorosamente. Atualmente, ela frequenta duas vezes por semana a Igreja Evangélica Atitude, na Barra. “Ela está sempre usando um colete e fica tomando conta das crianças enquanto os pais delas estão no culto”, conta um membro da igreja.


Haddad e Ana Estela. Foto: Acervo Pessoal pessoal


Bolsonaro e Michelle. Foto: Acervo pessoal

Via: Central da Pauta.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários