Revista Náutica >> Leonardo Almeida é heptacampeão Pernambucano de Dingue

23
Foto: Tsuey Lan Bizzocchi

O velejador Leonardo Almeida sagrou-se, neste fim de semana, hexacampeão do Campeonato Pernambucano de Dingue 2017. À frente da embarcação Kamikaze, o atleta do Time Cabanga finalizou a última etapa do estadual, mais uma vez, no primeiro lugar. Na disputa, Leonardo Almeida, que está na classe desde o ano 2000, teve Sophia Hutzler como proeira.

O segundo lugar do campeonato ficou com o barco Black com René Hutzler e Alan Durand. A terceira colocação ficou com Caso Sério, de Hans e Karina Huzler, ambos do Cabanga.

Leonardo Almeida é absoluto quando se trata do Estadual de Dingue. O primeiro título veio em 2001, ao lado de Tatiana Farias. No ano seguinte, foi campeão junto com Cássia Martinelli, seguido por mais um ouro em 2003, desta vez com Daniela Barros. O pernambucano voltou a subir no lugar mais alto do pódio em 2014 e 2015, com a parceira Suzana Ferreira. No ano passado, desta vez com Miguel Andrade, ele também foi campeão pernambucano.

Vale ressaltar que o velejador é o atual campeão brasileiro de Dingue e possui um título regional, conquistado no 1º Campeonato Norte Nordeste da classe, ainda em 2001. A experiência deve ajudar na campanha do Nacional 2017, que será realizado entre os dias 5 e 9 de novembro, em São Paulo.

“Apesar de ser muito bom conquistar o hepta, eu e os demais velejadores sabemos que o Brasileiro não vai ser fácil, mas estamos nos preparando e treinando há um bom tempo. Temos a convicção de que vamos chegar bastante competitivos para levar o nome do clube às melhores posições possíveis”, comemorou o veterano.

Na classe Day Sailer, o grande campeão foi a embarcação Seu Alcir, comandada por Pedro Lima e Bruno Dourado. Ao longo do Campeonato, a dupla veio numa crescente durante todas as etapas e acabou se isolando na liderança geral até a definição do título.

 

Fonte Oficial: http://www.nautica.com.br/leonardo-almeida-e-heptacampeao-pernambucano-de-dingue/.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários