Tóquio 2020 apresenta medalhas de metal reciclado – GQ

7

(Foto: Trio de medalhas de Tóqui 2020/Divulgação)

O comitê organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio revelou nessa quarta-feira (24) o design das medalhas de ouro, prata e bronze que serão concedidas aos vencedores em 2020. A revelação acontece exatamente um ano antes da Cerimônia de Abertura e apresenta uma inovação: dessa vez, as medalhas serão confecionadas com metal reciclado de eletrônicos descartados no Japão nos últimos dois anos.

+ Tóquio 2020 terá animes como embaixadores (conhece todos?)
+ Nike lança primeiro tênis dos Jogos Olímpicos de Tóquio
+ Medalhas da Olimpíada de Tóquio serão feitas de celulares reciclados

Ao todo foram recolhidos 32 kg de ouro, 3.500 kg de prata e 2.200 kg de cobre e zinco que serão transformados em medalhas nas Olimpíadas e Paralimpíadas do ano que vem. Se o uso de materiais reciclados não é exatamente uma novidade – as medalhas do Rio 2016 também tinham uma premissa sustentável – é a primeira vez que a técnica aparece em uma escala tão significativa.

(Foto: Medalha de ouro/Divulgação)

As medalhas de 2020 terão 8,5 centímetros de diâmetro e uma espessura que varia de 7,7 a 12,1 milímetros. O layout, escolhido em um concurso de designers e estudantes, é assinado por Junichi Kawanishi. Em seu centro, uma representação Nice, a deusa grega da vitória.

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários