Update que reduz a performance de celulares Apple e Samsung são foco de investigação – GQ

6

Tem notado que seu iPhone já velhinho está te deixando na mão com mais frequência? Ou que seu Galaxy já não dá conta de uma partida de Asphalt? A explicação pode estar relacionada a um processo aberto pelo órgão antitruste italiano em janeiro, que resultou esta semana em multas para a Apple e Samsung: 10 milhões e 5 milhões de euros, respectivamente. O motivo? Ambas as companhias teriam desacelerado a performance de seus celulares através de atualizações de sistema operacional, atitudes que configuram “práticas comerciais desonestas”, segundo o órgão.

O processo teve origem em ação movida por usuários do Galaxy Note 4 e do iPhone 6, que notaram uma piora em seus smartphones após atualização mandatória coincidindo com os lançamentos do Note 7 e do iPhone 7, reporta o The Guardian.

A Apple já havia justificado a atitude em outros carnavais, lá em dezembro: diminuir a performance serviria para melhorar a autonomia e estender a vida útil de celulares antigos, não necessariamente motivar a compra de um novo.  A Samsung negou o ocorrido, dizendo que “não publicou nenhuma atualização de sistema que reduzisse a performance do Galaxy Note 4”. Mas o clima de surdina é um problema. A princípio porque a ‘função desaceleradora’ não era parte do informativo desses updates. Além disso, a Apple também não informa seus usuários sobre o bom uso e o descarte das baterias, o que justifica os 5 milhões extras de multa.

+ iPhone XS, XS Max e XR: um mergulho nos números dos novos aparelhos da Apple
+ Lembra do Palm? Empresa volta a chamar atenção com celular minúsculo
+ Apple e Qualcomm protagonizam mais um episódio em uma longa novela judicial

Ambas as empresas se comprometeram a comunicar a decisão judicial em seus websites no país.

Fonte oficial: GQ

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Sixth Sense.

Comentários